2020CursosDoutoradoMestradoOportunidadePós-Graduação

UNESP abre inscrições para Mestrado e Doutorado em Letras

UNESP seleciona 70 alunos para mestrado e doutorado em letras

UNESP oferta 70 vagas para Mestrado e Doutorado em Letras.

A Universidade Estadual Paulista por meio do Programa de Pós-Graduação em Letras torna público o Edital de Seleção para Ingresso de alunos nos cursos de Mestrado e Doutorado para o ano de 2021.

O programa é atrelado ao Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas do Câmpus de São José do Rio Preto.

O curso tem como objetivo a formação de pesquisadores na área de letras organizados em uma área de concentração: Teoria e Estudos Literários. Nessa temática, as pesquisas envolvem problemas relevantes para o entendimento de noções e categorias da teoria da literatura.

O programa possui duas linhas de pesquisa:

  • Perspectivas Teóricas no Estudo da Literatura – Questões de teoria e crítica da literatura e suas interfaces com outros sistemas semióticos a partir de análises literárias.
  • História, Cultura e Literatura – Estuda os processos de interação da literatura com a história.

A inscrição será totalmente online e conta com 35 vagas para Mestrado e 35 vagas para Doutorado.

As inscrições ocorrem entre os dias 03 de agosto de 2020 e 31 de agosto de 2020 pelo site da instituição. A taxa de inscrição é de R$ 73,00.

O processo seletivo será composto por: Análise do Projeto de Pesquisa, Prova Escrita (Facultativa), Exame de proficiência.

O edital dispõe da estrutura do Projeto de Pesquisa, que deverá conter título, linha de pesquisa, resumo, introdução e justificativa, objetivos, metodologia, cronograma de execução e bibliografia.

.

========================================================

Resumo das Informações.

Curso: Mestrado e Doutorado em Letras
Instituição: UNESP – Universidade Estadual Paulista
Tipo de Curso: Mestrado e Doutorado
Modalidade: Presencial
Duração:
Vagas: 70 Vagas – 35 Mestrado / 35 Doutorado
Inscrições: Até 31/08/2020

 

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo